Our Blog

Jurema Sagrada – Prólogo

0

Em Jurema Sagrada, especial do mês de setembro, Suzy Okamoto e Rafael Avancini contam a trajetória que percorreram entre juremeiros, babalorixás, yalorixás, ekedjis, Tabajaras e artistas à sombra das árvores e na vibração dos maracás em João Pessoa na Paraíba.

IMAGENS CRIADAS COM O IPHONE SE

Tupi, or not tupi that is the question.

[…]

Catiti Catiti

Imara Notiá

Notiá Imara

Ipeju

[Manifesto Antropófago – Oswald de Andrade]1

 

1 – Lua nova, ó Lua Nova! Assoprai em lembranças de mim; eis-me aqui, estou em vossa presença; fazei com que eu tão somente ocupe seu coração.

 

Jurema Sagrada – Maracá Jurema de Chão. Jurema de Chão no Templo Espírita de Umbanda Acácio Valério em João Pessoa, Paraíba. Excerto da pesquisa de Suzy Okamoto e Rafael Avancini sobre a Jurema Sagrada. Julho/2016

 

A Jurema Sagrada, também conhecida como Catimbó, é um culto mágico-religioso, mistura de pajelança com catolicismo, permeado pelo candomblé e feitiçaria europeia. Sua história que data do século XVI é cercada de clandestinidade e repressões. Imagem do mais alto grau de sincretismo cultural, o culto permanece vivo até hoje especialmente nos estados da Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte

Rafael Avancini - Cidades Invisíveis

Lucas Souza – Templo Espírita de Jurema Mestra Jardecilha

Composta de segredos, parábolas, metáforas e símbolos, o Culto da Jurema, seus ritos – adjunto de jurema, jurema de chão, toque de jurema, toré de jurema –  e suas músicas desafiam uma pesquisa definitiva. Ainda que Mário de Andrade, em Música de feitiçaria no Brasil e Câmara Cascudo, em Meleagro, se apresentem aqui como fiéis escudeiros, os enganos e deduções precipitadas sobre o assunto nos espreitam.

Rafael Avancini - Cidades InvisíveisToque de Jurema – Ile Asé Odé Ibualama

 

Se podemos encontrar um fio da meada neste contexto erudito é o fato da jurema ser movediça e rizomática. Jurema é uma árvore-talismã, Jurema é uma cidade de seres encantados e espíritos curandeiros, Jurema é ciência, Jurema é um enteógeno,  Jurema é êxtase, Jurema é uma mulher, poderosa e cheia de sortilégios.

“Para nós, tal justaposição da magia fantástica com o agir objetivo referido a finalidade parece sintoma da cisão, mas para os índios nao ė algo esquizoide, ao contrario, é uma experiência libertadora e patente da ilimitada possibilidade de relação com o mundo ao redor””  (Aby Warburg)

Isto posto, o que vamos contar aqui NoBrasil é a trajetória que percorremos entre juremeiros, babalorixás, yalorixás, ekedjis, Tabajaras e artistas à sombra das árvores do Templo Espírita de Jurema Mestra Jardecilha (em Alhandra), sob a afável oca da Aldeia Barra do Gramame (em Conde), na vibração dos maracás no Templo Espirita de Umbanda Acácio Valério e ao toque do tambor no Ile Asé Odé Ibualama (ambos em João Pessoa).

Esta pesquisa-experiência foi realizada durante a residência artística na Arapuca ArteResidencia de Serge Huot, sob a curadoria de Carlos Mélo, em julho de 2016, na paradisíaca Área de Proteção Ambiental Estadual de Tambaba, município de Conde, Estado da Paraíba e teve o apoio da Fundação Espaço Cultural do Estado da Paraíba, sob o cuidadoso olhar de Edilson Parra.

Rafael Avancini - Cidades InvisíveisPraia de Arapuca – Paraíba

 

SUZSuzy_Okamoto_perfil_NoBrasilY OKAMOTO
Artista visual, Mestre em artes visuais em Estética e História da Arte pelo Instituto de Artes da Unesp. Professora do Núcleo de Design do Centro Universitário de Belas Artes, aonde leciona as disciplinas direcionadas para a pesquisa e criação. Entre suas principais exposições estão “Dor, forma e Beleza”, na Pinacoteca do Estado de SP, IX Salão de Arte da Bahia – Museu de Arte Moderna de Salvador, além de participação em diversos festivais internacionais de vídeo.

 

Rafael_Avancini_perfil_NoBrasil-1  RAFAEL AVANCINI
  Fotógrafo e cinematógrafo gaúcho. Trabalha principalmente com música, moda e arte. Tem sua pesquisa autoral em torno do nu, da performance e das poéticas do corpo, Como cinematógrafo participou do longa-metragem “Amor Líquido”, do diretor Vítor Steinberg e dos curtas, “Coquetel Motolove” junto à escola de cinema Inspiratorium e “Fantasma da Saudade no Vale da Morte” de Lufe Bollini, ganhador do Lisbon International Film Festival 2016 como Best Underground Film” .

 

 

Jurema Sagrada
Conecte-se no Facebook

Comments

comments

Comments ( 0 )

    Leave A Comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *